#Dia46

Oi, gente! Estou muito feliz. Foi um dia com muita notícia boa!

Foi incrível! Organizamos 18 banquinhas pela cidade. Mas de uma centena de pessoas trabalhando para conseguir eleger a nossa mandata negra, feminista e de esquerda!

No meio da tarde soube que conseguimos bater a nossa meta de arrecadação no Voto Legal! Foram mais de 300 doações para passar os R$ 50.075! Somos uma das candidaturas que mais arrecadaram doações em campanha de financiamento coletivo no país. Financiamento de luta é assim, com participação de muita gente, construindo junto esse projeto coletivo. Muito obrigada!

A campanha cresceu, continuamos a produzir materiais nessa reta final, temos ainda contas a pagar e por isso o esforço de arrecadação continua! Ainda precisamos da sua colaboração. Para doar, basta acessar: www.votolegal.com.br/anamielke.

E no Instagram? Vocês viram? Passamos de 5 mil inscritos! Sem comprar seguidor ou fazer propaganda. Falando nisso, hoje eu ocupei o perfil da minha amiga e deputada estadual Isa Penna! Foi muito legal e foi mais um espaço para a gente poder divulgar as nossas propostas!

Mas teve também muita campanha na rua. De manhã eu fui para o metrô Butantã, depois para a feira de Vila Dalva, também na zona oeste. Na hora do almoço fiz mais uma caminhada passando de casa em casa na comunidade da 1010, ali na Raposo Tavares. Junto comigo estava a grande Dona Wanda! Uma mulher incansável! A tarde eu fiquei na banquinha da Av. Paulista.

A noite, duas lives de novo. Uma no perfil da Isa Penna. A outra da Nova Frente Negra Brasileira. Essa reuniu vários bons candidatos e candidatas negras do Brasil inteiro!

E enquanto eu estava escrevendo este texto, finalmente saiu a pesquisa do Datafolha que o Russomano tentou censurar. Óbvio, foi mais uma pesquisa que mostra Boulos e Erundina na frente do candidato do Bolsonaro. A virada aconteceu e vamos para o segundo turno!

O Russomano continuou apelando! No debate realizado pela Folha e o UOL ele acusou o Boulos de ter contratado “empresas fantasmas”. Mas as empresas só estavam trabalhando em home office e seus escritórios vazios. A “fonte” do Russomano é o Oswaldo Eustáquio, que se diz jornalista, mas na verdade trabalha para máquina de fake news do Bolsonaro. Não tem problema, vamos fazer a nossa campanha, espalhar a verdade e deixar o Russomano fora do segundo turno. Quem sabe ele apreende e desiste de ser candidato para Prefeitura.

#LiberdadeÉNãoTerMedo